domingo, 25 de janeiro de 2015

"Cozinha Tradicional Portuguesa" - Caldo Verde


Uma sopa bem tradicional que  faz as minhas delícias nos dias frios de Inverno.


Ingredientes:
5 batatas (mais ou menos 500g)
1 cebola
4 dentes de alho
250g de caldo verde (couve portuguesa ou galega cortada em juliana)
1,5 l de água
azeite
sal q.b.
Chouriço de carne às rodelas

Preparação:
Numa panela com água fria, levar a cozer as batatas, a cebola e os alhos cortados.
Assim que as batatas estiverem cozidas, reduzir a puré com a varinha mágica.
Juntar a couve cortada, o sal, o azeite e umas rodelas de choriço e levar ao lume, para cozer a couve, durante 15 minutos.
No final se o creme estiver espesso, acrescentar mais água a gosto.
Servir com um fio de azeite e uma rodela de chouriço (pessoalmente eu dispenso, mas é assim que deve ser servido).



Bom Apetite!

sábado, 17 de janeiro de 2015

"Nem Carne, nem Peixe" - Bolo Salgado de Queijo de Cabra, Tâmaras e Amêndoas


Após um mês de Dezembro, rico em sabores, iguarias e bem docinho, onde não há tempo para pensar em regimes saudáveis, por mim falo, é claro, dado que não dispenso o que há de bom à mesa, entro em Janeiro, com um plano mais saudável em mente. Há que equilibrar os excessos e à minha mesa, regressam as refeições mais frugais. 
As sopas voltam em força, fazendo parte da ementa diária junto com o peixe, mais legumes e frutas. Imperam a confecção de alimentos ao vapor, no forno e voltam os dias de não comer carne, nem peixe... A pensar numa solução diferente para um desses dias, adaptei uma receita da Isabel Zibaia Rafael, do seu último livro "Delicioso Piquenique", fazendo o seu Bolo Salgado de Queijo Feta, Azeitonas e Tomate seco, mas com um toque diferente. Substituí o feta pelo queijo de cabra, tâmaras em vez de azeitonas e adicionei as amêndoas, para lhe dar mais textura.


Esta é daquelas receitas que faço inúmeras vezes, quer para levar para casa de amigos, como entrada, quer para servir ao jantar, como complemento do prato de sopa, ou para levar para o almoço acompanhado de uma salada. Uma das que gosto muito de fazer, pois como rende bastante aproveito sempre para congelar umas fatias, como prevenção para aqueles dias que não me apetece cozinhar, ou chego a casa tarde e num instante, tenho a refeição solucionada com um prato de sopa ou uma salada.


Já fiz a receita original, mas a combinação doce das tâmaras e amêndoas com o salgado do queijo de cabra e do tomate seco, resultaram na perfeição. Deixo-vos aqui a minha sugestão:

Ingredientes:
200g de farinha de trigo
50g de farinha integral
1 colher (chá) de fermento em pó
2 colheres (sopa) de azeite
4 ovos
125g de iogurte grego natural
1 dente de alho
2 queijos de cabra pequenos (ou 150g de queijo feta)
80g de tâmaras, cortadas às rodelas
50g de tomate seco em azeite
80g de amêndoas (usei já lascada e torrada previamente na frigideira)
2 colheres (chá) de oregãos secos
Sal e pimenta-preta q.b ( uso sempre a mistura 5 Bagas da Margão em vez de pimenta-preta)

Preparação:
Numa taça. adicionar as farinhas, o  fermento, o azeite, os ovos, o iogurte grego e o dente de alho espremido. Temperar a gosto, com sal e pimenta-preta. Mexer.

Adicionar o queijo cortado em pequenos cubos, as tâmaras às rodelas, as amêndoas laminadas ( deixando algumas para polvilhar no fim), uma colher e meia de chá de oregãos e o tomate seco picado. Mexer.

Colocar a mistura numa forma rectangular, untada previamente com manteiga. Polvilhar a massa com os restantes oregãos e as lascas de amêndoa.

Levar ao forno a 190ºC, durante 25 minutos.



Bom Apetite!


Inspiração: Livro " Delicioso Piquenique" de Isabel Zibaia Rafael - Marcador Editora

domingo, 4 de janeiro de 2015

E porque é Domingo de Reis...em vez de Bolo Rei, saem pequenos reizinhos!


O Natal já lá vai, o novo ano começou e pelo dia 6 de Janeiro festeja-se o Dia de Reis, celebração católica que relembra a visita do três Reis Magos ao Menino Jesus. 
Baltazar, Gaspar e Belchior vieram de longe, guiados por uma Estrela, com presentes para o Deus Menino: Ouro, Incenso e Mirra. Chegaram, adoraram e partiram com a Boa Nova, que Deus tinha nascido no meio dos homens, numa simples estábulo, relembrando-nos a importância da simplicidade e da humildade na nossa vida.


Este é o dia que assinala o fim da quadra natalícia, as decorações que ornamentaram a casa guardam-se até ao próximo Natal e à mesa a família reune-se, mais uma vez, onde não pode faltar a romã, o tradicional Bolo Rei ( tradição em Portugal e Espanha), entre outras iguarias tipícas da quadra.


Para o meu dia de Reis deste ano, e como é minha tradição, as sobras do Bolo Rei do Ano Novo são sempre aproveitadas, e em vez dos tradicionais queques, optei por dar uma nova roupagem ao tradicional bolo. Adaptei a receita das pirâmides e com os fios de ovos que sobraram do Bolo de Natal e umas cerejas cristalizadas, criei os pequenos reizinhos que adornaram o meu presépio. 
Digam lá se não foi uma boa alternativa e até quem não é fã do típico bolo, se delicia com estes bolinhos cobertos de chocolate?


Em fim de festa, nada melhor que a encerrar com uma guloseima, pois a partir de agora, segue-se um mês de Janeiro onde impera a rotina, e a rotina é comida saudável!


Ingredientes:
220g de Bolo Rei ( sobras)
180g de bolachas de aveia
60g de amêndoa laminada
40g de açúcar amarelo
3 colheres sopa de cacau
3 colheres chá de erva-doce moída
2 colheres chá de canela
50g de água ( mais ou menos 3 colheres de sopa). A quantidade de água é apenas para tornar a massa moldável, logo é melhor deitar e testar até ficar boa, nem muito seca, nem muito molhada.

Cobertura:
50g chocolate de leite
100g choocolate negro
Umas gotas de óleo vegetal

Preparação:
( Utilizei a Bimby/ Thermomix, pois assim peso, trituro e envolvo, sem grandes preocupações. De outra forma, utilizar sempre um qualquer processador de alimentos para triturar e formar a massa.

No copo da Bimby/Thermomix ( pode-se utilizar qualquer outro processador de alimentos) deitar os queques, as bolachas de aveia e a amêndoa laminada e dar uns toques de turbo.
Adicionar os restantes ingredientes e envolver uns segundos, eu marquei 15 Seg/ Vel. 5.
Deitar num recipiente e levar ao frigorífico cerca de 1 hora ( eu deixei de um dia para o outro). e moldar em forma de pirâmides. Dispô-las numa folha de papel vegetal, para depois de cobertas serem mais fáceis de descolar.
Na hora de fazer a cobertura, levei 50g de chocolate de leite, mais 100g de chocolate negro, com umas gotas de óleo vegetal, a derreter em banho-maria. (CUidado para não deixar que a água toque no fundo do recipiente onde derrete o chocolate, para não criar grumos).
Quando derretido, verter sobre as pirâmides moldadas deixar secar e decorar a gosto.




Bom Dia de Reis!

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Delícia de Ananás


Um novo ano começou e depois de uma quadra gastronomicamente rica, equilibrio precisa-se para dar as boas-vindas a 2015. Optei por uma sobremesa bem leve e fresca: Leite evaporado ou leite condensado magro, gelatina de ananás e ananás em calda. Simples, fácil e muito rápido de preparar, demorando apenas o tempo necessário para solidificar. Uma delícia à mesa, qualquer que seja a estação do ano, pois sabe sempre bem e pode ser degustado por adultos e crianças.

Ingredientes:
1 lata de ananás em calda
1 lata de leite evaporado ou leite condensado magro
1 pacote de gelatina de ananás (2 saquetas)
500ml de água + 500 ml de calda do ananás

Picar as rodelas de ananás grosseiramente. ( Na Bimby, deitar as rodelas no copo e picar 4 Seg/Vel.4  se preferir os pedaços maiores, dar uns toques de turbo). Pode optar por cortar em pedaços pequenos com uma faca.
Preparar a gelatina conforme a indicação da embalagem.
Dissolver o pó da gelatina em 500ml de água quente, e juntar a calda do ananás. Mexer.
Juntar o leite evaporado e mexer. Por fim deitar o ananás picado.
( Na Bimby deitar no copo o preparado de gelatina e leite evaporado e o ananás picado. Envolver 10 Seg/Vel.3)
Deitar numa forma e levar ao frio a solidifcar ( Gosto de fazer de véspera, para um melhor resultado).



Bom Apetite!

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Feliz Ano Novo!!!

Um novo ano traz muitos desejos, projectos e também muitas interrogações. 




Que 2015 traga resposta a muitas das nossas preocupações. Seja prolífero em bons momentos, experiências e recordações. 

Um dos meus propósitos para o novo ano é transformar o maior número de pontos de interrogação em pontos de exclamação, portanto um grande desafio para o ano que se aproxima. 
Irei fazer tudo por isso, portanto fica o desafio. 

Ficam os meus votos de um 2015 pleno de concretizações e sonhos realizados.  
 O primeiro passo é...?


Carpe Diem! Viver intensamente cada dia!


Feliz Ano Novo. Feliz 2015!

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

"Reciclar é Poupar" - Bolo de Claras, Dióspiro e Nozes



Num tempo curto entre festas, há sempre algo para reciclar. Três claras fizeram-me pensar num bolo diferente onde uma combinação feliz de dióspiro, nozes e especiarias serviram de base para uma nova receita. Um bolo aromático, húmido e fofo cujo resultado foi aprovado ficando aqui o registo para mais tarde recordar. Escusado será dizer que acompanha bem com uma chávena de chá a fumegar, nestes dias frios de Inverno, que se fazem sentir...



Ingredientes:
1 ovo inteiro
3 claras
4 dióspiros ( em polpa)
200g de açúcar amarelo
220g de farinha ( usei 180g de farinha + 40g de pão ralado)
100g de manteiga
1 colher (chá) de bicabornato de sódio
1 colher (chá) de fermento em pó
1 colher ( chá) de canela em pó
1 colher (chá) de cravinho em pó
1 colher (chá) de noz-moscada ralada ou em pó
1 pitada de sal
100g de nozes picadas

Modo Bimby
Untar uma forma rectangular (tipo Bolo Inglês) e polvilhar com pão ralado.
Pré-aquecer o forno a 180º.
Deitar a polpa do dióspiro numa taça, e juntar a colher de chá de bicabornato de sódio.Reservar.
No copo da Bimby/ Thermomix T31, colocar a borboleta, o açúcar, a manteiga, as claras e o ovo. Bater durante 3 Minutos/ 37º/Vel. 4. Bater mais 6 Minutos, sem temperatura, na velocidade 4.
Retirar a borboleta, juntar a polpa de dióspiro e bater 15 seg/Vel.4
Juntar a farinha, as especiarias, e o fermento. Bater 10 seg/Vel.3
Deitar na forma e levar ao forno a 180º, cerca de 40 minutos.




Bom Apetite!

sábado, 27 de dezembro de 2014

E o Pai Natal não se esqueceu da Romã...



Este Natal a minha cozinha ganhou umas medidas especiais, bem originais, que equivalem às colheres, que tanto utilizamos para medir pequeninas quantidades. São peças lindas que decoram e de grande utilidade, pelo que não vão ficar apenas pela decoração, sendo muito breve colocadas a uso.

Eis as medidas
Jarro » 15 ml = 1 TBSP = 1 Colher de Sopa
Caneca Média »10 ml =1 DSP = 1 Colher de Sobremesa
Caneca Pequena » 5 ml = 1 TSP = 1 Colher  de Chá
Chávena pequenina » 2 ml = 1/2 TSP = Meia Colher de Chá


São estes mimos que me fazem sentir que a felicidade está nas pequenas coisas e no valor sentimental das mesmas. Quem ofereceu sabe o quanto é especial para mim. Amor com Amor se paga!

Boas Festas!

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Eis que passados dois meses...


... as férias do portátil acabaram!
No passado mês de Setembro, o meu portátil avariou... acho que me quis dizer que precisava de umas férias prolongadas, o que me levou a uma ausência de dois  meses, algo que nunca tinha tido, nos 4 anos e meio de existência deste espaço.
Apesar de publicar poucos "posts", nunca passei um mês em branco, infelizmente e alheia à minha vontade fiquei longe, mas o Bago de Romã foi regularmente visitado e até ganhou novos amigos na página do facebook, o que me alegrou no meio da escuridão do momento.
Ao fim de dois meses e  da preciosa ajuda de um amigo, o meu portátil lá voltou à vida...
Quero agradecer a todos os que me ajudaram e perguntaram pelo meu regresso, aos que por aqui têm passado e agora resta-me retomar a rotina, pois confesso que já tinha saudades deste meu cantinho.

Até já!

sábado, 13 de setembro de 2014

Pirâmides de Chocolate


Pirâmides de Chocolate, um daqueles bolos de infância, ao qual não resisto quando as encontro numa das minhas pastelarias de confiança. Estas ficaram idênticas, apenas faltou a decoração tradicional.
Assim que vi a receita no Blogue da Xana, o Ratatui dos Pobres (um blogue que acompanho há muito, muito mesmo antes de haver a blogues de culinária, a nascerem como cogumelos por aí), tive que a experimentar, pois é um dos bolos preferidos da minha cara-metade, bem como meu, e feitos por mim teriam sem dúvida outro sabor.
A receita foi adaptada, pois os meus queques eram de chocolate (tinha uma caixa com quatro queques congelados excelentes para reciclar), as bolachas usei das de aveia e ainda foram acrescentadas amêndoas laminadas picadas ( por uma questão de gosto pessoal e dado o peso dos queques ser inferior ao indicado na receita).


Ficaram divinais, com uma excelente textura e sabor. Só faltou mesmo, o creme no topo com a cereja a decorar ;)



Ingredientes:
( 7 Pirâmides)
160g Queques de Chocolate
130g Bolachas de Aveia
  40g Amêndoa laminada
  40g de Açúcar amarelo
2 colheres (sopa) de Cacau
2 colheres (chá) de Erva-doce
1 colher (chá) de canela
25g de água

Para a cobertura:
Chocolate negro
Óleo

Preparação:
No copo da Bimby/Thermomix ( pode-se utilizar qualquer outro processador de alimentos) deitar os queques, as bolachas de aveia e a amêndoa laminada e triturar 5 Seg./Vel.5.
Adicionar os restantes ingredientes e envolver uns segundos, eu marquei 7 Seg/ Vel. 5.
Deitar num recipiente e moldar em forma de pirâmides.
Levar ao frigorífico cerca de 1 hora ( eu deixei de um dia para o outro)
Na hora de fazer a cobertura, levei 50g de chocolate de leite, mais 100g de chocolate negro, com umas gotas de óleo vegetal, a derreter em banho-maria.
Quando derretido, verter sobre as pirâmides e deixar secar e decorar a gosto.



Bom Apetite!

Receita adaptada do Blogue  Ratatui dos Pobres