domingo, 14 de maio de 2017

Medalhões de Pescada no Forno com Cebolada de Pimentos Coloridos


Para quem cozinha diariamente nada como, ter sempre, no congelador uma embalagem de medalhões de pescada. Versáteis, saborosos e que resultam sempre bem, quer cozidos, estufados ou no forno. ´
Desta vez, foram ao forno com uma cebolada de pimentos coloridos, sendo uma das receitas que saiu cá por casa, num dia de semana atribulado, daqueles em que temos uma ideia planeada, mas ao chegar a casa e abrir o frigorífico a mente muda e criamos algo diferente ao sabor do que há para gastar.
Resultado aprovado e a repetir! 



Ingredientes:
4 medalhões de pescada ultracongelados
4 mini-pimentos coloridos
1 cebola
2 dentes de alho
1/2 limão (sumo)
4 c. chá de mostarda
azeite q.b.
vinagre q.b.
100 ml de natas
sal, pimenta
1 folha de louro

Preparação:
1. Temperar os medalhões previamente descongelados com sal, pimenta, os dentes de alho laminados e por fim regar com o sumo de limão. Deixar marinar pelo menos trinta minutos.
2. Pré-aquecer o forno a 200ºC.
3. Entretanto, enquanto o peixe ganha o sabor do limão preparar a cebolada de pimentos.
Num tacho deitar um fio de azeite, a cobrir o fundo e a cebola em rodelas. Mexer e, assim que começar a ficar translúcida juntar os pimentos cortados em juliana. Borrifar com uma colher de sopa de vinagre e deixar cozinhar a cebolada mais uns minutos, mexendo sempre. Assim que estejam no ponto, juntar as natas e mexer. Reservar.
4. Retirar os medalhões da marinada, barrar cada um com uma colher de chá de mostarda e dispô-los num recipiente que possa ir ao forno.
5. Cobrir com a cebolada de pimentos e natas e levar ao forno, cerca de 25 minutos.
6. Acompanhar a gosto




Bom Apetite!


sábado, 6 de maio de 2017

Delícia de Chocolate sem Glúten


Domingo é o dia da Mãe, como pode ser um dia de festa qualquer. Confesso que sou cada vez mais avessa a comemorar dias agendados, como se de uma obrigação fosse. Estes, são sim os dias fantásticos para animar a veia comercial, num mundo cada vez mais materialista. Às vezes parece que se não oferecermos nada, ou não  estivermos com as pessoas nesse dia, somos considerados persona non grata e um tanto ou quanto insensíveis
Pois, para mim celebrar o dia da mãe é todos os dias, e celebro-o estando ao seu lado sempre que precisa e dar-lhe o meu apoio e carinho, sempre. Dou-lhe o meu tempo, a minha disponibilidade, dando a prioridade sempre que seja necessário. Aliás, tenho um lema meu, que pratico cada vez mais: "o tempo é o melhor presente que dás". E como na minha vida prefiro, cada vez mais, a disponibilidade e o tempo que passam comigo do que um presente, mas cada um é livre de viver a sua vida e como tal, há que respeitar opções. O mais importante é, sem dúvida, viver e ser feliz!
Mas o Dia da Mãe existe, e ainda bem, ao menos há um dia que todos recordam as suas mães, e nada melhor do que mimar a mãe com esta delícia de chocolate.
Fácil de fazer e mais fácil de comer, uma delícia para qualquer dia de festa.
Uma excelente sugestão para amantes de chocolate e livre de glúten. Espero que gostem!



Ingredientes:
Bolo
200g de chocolate para culinária
180g de açúcar
200g de farinha de amêndoa
5 ovos de tamanho médio

Decoração:
1 pacote natas frecas para bater ( as que mais gosto são as da Longa Vida)
Açúcar baunilhado
Morangos q.b
Modo Bimby

No copo da Bimby deitar o açúcar e os ovos e bater 6 Min/ 37ºC/vel.4
Entretanto, derreter o chocolate em banho-maria. Deitar arrefecer um pouco, depois temperar o preparado, juntando um pouco do preparado ao chocolate derretido.
Deitar o chocolate derretido no preparado e voltar a bater 10Seg/Vel.4.
Finalmente juntar a farinha de amêndoa, envolvendo 10Seg/Vel.4.
Deitar numa forma redonda, de aro amovível, forrada com papel vegetal e untada com manteiga e polvilhada com cacau em pó.
Levar ao forno, previamente aquecido a 150ºC, cerca de 25 minutos.


Modo Tradicional

Numa taça bater os ovos e o açúcar até obter um creme fofo e de cor pálida.
Entretanto derreter o chocolate em banho-maria.
Assim que esteja derretido, deixar arrefecer um pouco e envolver lentamente no preparado no creme de ovo e açúcar. Por fim juntar a farinha de amêndoa e envolver bem no preparado.
Deitar numa forma redonda, de aro amovível, forrada com papel vegetal e untada com manteiga e polvilhada com cacau em pó.
Levar ao forno, previamente aquecido a 150ºC, cerca de 25 minutos.
Deixar arrefecer e desenformar.
Decorar e servir a gosto. Eu decorei com natas batidas em chantilly e com morangos. Excelente para servir com fruta e gelado, ou com mousse de frutos silvestres ou de lima.



Feliz Dia da Mãe!